Atlético MG É Eliminado da Libertadores após derrota para o Cerro Portenõ por 4 a 1 de Virada.

Cerro goleia o Atlético-MG e complica time mineiro na Libertadores 2019

Com quatro gols em 13 minutos, time paraguaio consegue virada no primeiro tempo e garante classificação para as oitavas de final da Libertadores; Galo precisa de um milagre para avançar

Um time organizado e classificado. Outro desorganizado e quase eliminado. A vitória do Cerro Porteño por 4 a 1 sobre o Atlético-MG deixou claro as faces dos dois clubes que entraram em campo no Estádio La Olla Azulgrana, em Assunção, no Paraguai. Ricardo Oliveira colocou o Galo em vantagem, mas o Cerro marcou quatro gols ainda no primeiro tempo. Em 13 minutos, Acosta, Carrizo, Cáceres e Larrivey viraram para os donos da casa e classificaram o Cerro às oitavas de final com duas rodadas de antecedência no Grupo E.

Show de horror no primeiro tempo

Depois de um bom início do Galo, com a marcação encaixada e o primeiro gol marcado por Ricardo Oliveira, o Atlético-MG não atacou mais. Apático, o Galo viu o Cerro crescer e foi massacrado. Foram quatro gols em 13 minutos com Acosta, Carrizo, Victor Cáceres e Larrivey, fazendo 4 a 1 antes do intervalo.

  • Controle no segundo tempoCom boa vantagem, o Cerro quase marcou o quinto gol antes do primeiro minuto, quando Larrivey acertou o travesão. O Galo pouco fez para buscar a reação. Levir não mexeu no time no intervalo e foi alterando as peças aos poucos, mas sem sucesso. A melhor chance do time só veio depois dos 40 minutos, com Maicon Bolt, mas o estrago já estava feito.
  • Falhas individuaisO resultado ruim, aliado à péssima atuação, veio com diversas falhas individuais. No primeiro gol sofrido, um vacilo na marcação gerou a falta e o gol de Acosta. No segundo do Cerro, o erro foi de Victor, que estava mal posicionado e ainda escorregou na hora do salto. No terceiro, de Cáceres, falha fatal de Fábio Santos na saída de bola e de Igor Rabello na marcação. O pior veio no quarto gol paraguaio, marcado por Larrivey, que saiu de um chutão. O atacante do time paraguaio viu Victor e Rabello trombarem sem encostar na bola, que sobrou limpa para o camisa 9 do Cerro.
  • AtuaçõesAtlético-MG todo vai mal. Victor, Fábio Santos e Igor Rabello são destaques negativos

Situação da chave

O Atlético-MG vive um drama para se classificar no Grupo E da Copa Libertadores. O time alvinegro tem apenas três pontos conquistados em quatro jogos. O Cerro, líder da chave, tem 12 pontos, enquanto o Nacional-URU, segundo colocado, tem nove pontos. Se quiser se classificar, o time alvinegro precisará vencer os dois jogos restantes e torcer para o Nacional-URU não pontuar na última rodada, além de tirar a diferença no saldo de gols. O Zamora, lanterna do Grupo E, ainda não pontuou.

Calendário

A próxima rodada do Grupo E da Libertadores começa no dia 23 de abril, com o jogo decisivo entre Atlético-MG x Nacional-URU, às 21h30, no Mineirão. Dois dias depois, na quinta-feira, o Zamora recebe o Cerro Porteño, às 19h. No próximo domingo, às 16h, o Atlético-MG começa a decidir o título do Campeonato Mineiro, enfrentando o Cruzeiro, no Mineirão.


Um comentário em “Atlético MG É Eliminado da Libertadores após derrota para o Cerro Portenõ por 4 a 1 de Virada.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.